Famílias tem necessidades negadas por não negarem a Jesus em aldeia na Índia

  • 10/06/2024

Cerca de 15 famílias cristãs em uma aldeia na Índia tiveram necessidades básicas negadas por três meses devido a uma ordem de restrição de serviços essenciais emitida pela autoridade do conselho da aldeia local no distrito de Bastar, estado de Chhattisgarh.

Essas famílias relataram diversas atrocidades e discriminação em uma carta escrita ao chefe de polícia, assinada por quase 15 pessoas. Segundo o International Christian Concern, a carta contém uma queixa contra o Gram Panchayat (conselheiro da aldeia) de Naspal, onde os cristãos são residentes.

O documento destaca que os cristãos são constantemente forçados a negar Jesus sob ameaças de boicotes socioeconômicos. Além disso, o Gram Panchayat está negando aos cristãos água potável, acesso a mercados e mercearias, e emprego, na tentativa de expulsá-los da aldeia e assumir o controle de suas casas e gado.

Ciclo de Ameaças

Negar aos cristãos esses direitos se tornou um ciclo de ameaças e intimidação das mesmas autoridades que deveriam proteger os direitos de todos os aldeões em muitos distritos de Chhattisgarh. A região de Bastar é uma área dominada por tribos consistindo em centenas de aldeias, cujos residentes são conhecidos como Adivasis, que significa “habitantes originais”. Depois que muitos Adivasis aceitaram Jesus, o local se tornou um ponto de conflito nas aldeias.

Neste último caso, as 15 famílias foram forçadas a doar dinheiro para a feira da deusa da aldeia e a comer alimentos pagãos oferecidos a ela. Se não o fizessem, seriam banidos da aldeia. O conselho da aldeia aprovou uma declaração negando essas reivindicações e afirmando que os cristãos não poderiam realizar construções, comprar e vender terrenos, ou realizar qualquer negócio de subsistência.

Perseguição Contínua

Os cristãos foram impedidos de cultivar suas terras agrícolas para a colheita de arroz na próxima estação. Além disso, aqueles que interagem com os crentes locais podem ser multados em cerca de três dias de salário. O Gram Panchayat também decidiu proibir qualquer enterro de cristãos falecidos, mesmo que houvesse um cemitério cristão.

Segundo o ICC e com informações do guiame, na carta, os assinantes expressaram preocupação e medo por suas vidas. Apesar da perseguição, eles continuam servindo a Deus e pediram ao chefe da polícia que fornecesse segurança às suas famílias. A Índia ficou em 11º lugar na Lista Mundial da Perseguição da Missão Portas Abertas de 2024 dos lugares mais difíceis para ser cristão.

Com informações da Publicação: "Famílias tem necessidades negadas por não negarem a Jesus em aldeia na Índia" disponível em NT Gospel.

FONTE: https://ntgospel.com/noticias/perseguicao-religiosa/familias-tem-necessidades-negadas-por-nao-negarem-a-jesus-em-aldeia-na-india


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

Top 10

top1
1. EU VOU VENCER

ROSENICE GALDINO

top2
2. TÁTICA DE GUERRA

IVONETE OLIVEIRA

top3
3. COM JESUS É OUTRA HISTORIA

GONÇALO RODRIGUES

top4
4. ELE É TUDO QUE EU PRECISO

CANTOR GONÇALO RODRIGUES

top5
5. VEM CEAR

RONAN RODRIGUES

top6
6. FICA JESUS MAIS UM POUQUINHO

JHONATA VIOLONISTA

top7
7. EU VOCE E JESUS

PROFESSOR RONALDO

top8
8. COBERTOU DE PAELÃO

JHONATA VIOLONISTA

top9
9. FOI JESUS

MARIO E EDMILSON

top10
10. DEUS É FIEL

VASTY ALVES


Anunciantes